Projeto cria o Cadastro Nacional da Pessoa com Transtorno do Espectro Autista – Notícias

[ad_1]

14/03/2024 – 13:32  

GettyImages

Em geral, o autismo é caracterizado pelo comprometimento na comunicação e interação

O Projeto de Lei 5796/23 institui o Cadastro Nacional da Pessoa com Transtorno do Espectro Autista para centralizar e organizar informações, visando aprimorar as políticas públicas destinadas a essa população.

Deverão constar do novo cadastro, entre outros dados:

  • a identificação da pessoa com pessoa com Transtorno do Espectro Autista (TEA);
  • o diagnóstico;
  • o histórico de intervenções e tratamentos realizados;
  • as necessidades específicas e demandas de apoio;
  • a escolaridade e a modalidade de ensino frequentada.

O cadastro deverá seja alimentado com base nas informações fornecidas pelas famílias ou responsáveis legais das pessoas com TEA, assegurando a confidencialidade e segurança desses dados.

O autor do projeto, deputado licenciado Daniel Soranz (RJ), afirma que a criação do cadastro da pessoa com autismo é medida essencial para o aprimoramento das políticas públicas destinadas a essa população. “[O cadastro] facilitará o acesso aos serviços públicos, uma vez que as informações estarão concentradas em um único lugar.”

Tramitação
O projeto, que tramita em caráter conclusivo, será analisado pelas comissões de Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência; de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

 

Reportagem – Luiz Gustavo Xavier
Edição – Natalia Doederlein

[ad_2]

Com informações Agência Câmara

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

Leia também

Fale com a redação