Deputados lamentam assassinato de irmão de Sâmia Bomfim e cobram investigação rápida – Notícias

[ad_1]

05/10/2023 – 13:50  

Zeca Ribeiro / Câmara dos Deputados

A deputada Sâmia Bomfim

Diversos deputados usaram suas redes sociais nesta quinta-feira (5) para prestar solidariedade à deputada Sâmia Bomfim (Psol-SP), pelo assassinato do seu irmão nesta madrugada no Rio de Janeiro. O médico Diego Ralf de Souza Bomfim estava com três colegas num quiosque quando homens armados desceram de um carro e atiraram contra eles. Apenas um médico sobreviveu e está internado.

 O Psol, partido da deputada, divulgou uma nota de pesar. “Aos queridos companheiros Sâmia Bomfim e Glauber Braga manifestamos nossa plena e afetuosa solidariedade nessa hora trágica. É muito chocante ver vidas pulsantes e amadas serem ceifadas de forma tão covarde e estúpida.” O deputado Glauber Braga (Psol-RJ) é casado com Sâmia.

Os colegas de partido Pastor Henrique Vieira (Psol-RJ), Fernanda Melchionna (Psol-RS) e Guilherme Boulos (Psol-SP) também se solidarizam pelo Twitter. “É preciso investigar e encontrar os responsáveis por esse crime brutal”, cobrou Boulos.

Polícia Federal no caso
A deputada Gleisi Hoffmann (PT-PR) lamentou a morte de Diego Bomfim e lembrou que o ministro da Justiça, Flávio Dino, já anunciou que a Polícia Federal vai acompanhar o caso.

“Em face da hipótese de relação com a atuação de dois parlamentares federais, determinei à Polícia Federal que acompanhe as investigações sobre a execução de médicos no Rio. Após essas providências iniciais imediatas, analisaremos juridicamente o caso”, disse Dino em suas redes sociais.

A deputada Jandira Feghali (PCdoB-RJ) cobrou celeridade da polícia. “Temos que ir fundo e rápido nesta investigação. O fascismo não vai prosperar no Brasil”, tuitou.

O deputado André Janones (Avante-MG) também cobrou sejam esclarecidas todas as circunstâncias do crime que ele considerou “triste e chocante”.

A Liderança do Governo na Câmara dos Deputados também divulgou nota de pesar e cobrou das autoridades competentes “o devido rigor nas investigações e justiça nos termos das leis”.

O presidente Lula também se manifestou. “Recebi com grande tristeza e indignação a notícia da execução. Minha solidariedade aos familiares dos médicos, à deputada Sâmia Bomfim e ao deputado Glauber Braga.”

O deputado Nikolas Ferreira (PL-MG) criticou a politização dos assassinatos. “Não é momento de debate, mas de acolhimento”, tuitou o parlamentar ao cumprimentar Sâmia.

O deputado Kim Kataguiri (União-SP) também se solidarizou. “Meus sentimentos à deputada e a todos os familiares e amigos das vítimas.”

Da Redação – ND

[ad_2]

Com informações Agência Câmara

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

Leia também

Fale com a redação