Congresso Nacional e Governo Federal retomam debate da Reforma Tributária

Roque Sá/Agência Senado

O Congresso Nacional e o Governo Federal vão fazer uma nova tentativa de aprovar a reforma tributária. Durante a abertura do ano legislativo, a simplificação dos impostos foi apontada como prioridade para o país.

O presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, e o presidente do Senado e do Congresso, Rodrigo Pacheco, fizeram apelos para a reforma em suas mensagens. A reforma é debatida há mais de 25 anos e é vista como uma medida importante para tornar o sistema tributário mais fácil e menos burocrático.

Em sua mensagem, Pacheco destacou a importância da participação do Executivo na reforma tributária. Para ele, é fundamental que a arrecadação do Estado brasileiro seja feita com a colaboração do Poder Executivo. “A reforma precisa ser definida com a participação do governo federal, da Câmara, do Senado e dos governadores para simplificar, desburocratizar e tornar menos confuso o sistema tributário brasileiro”, ressaltou.

Entenda

A reforma tributária no Brasil é o processo de mudanças e ajustes na legislação tributária do país, com o objetivo de tornar o sistema mais eficiente, justo e simplificado. A reforma tributária visa harmonizar e simplificar as normas tributárias, reduzir a carga tributária sobre o contribuinte, combater a evasão fiscal e aumentar a arrecadação de impostos. A reforma tributária é debatida há anos no Brasil e é vista como uma medida importante para aprimorar a gestão fiscal e melhorar a economia do país.

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

Leia também

Fale com a redação