Comissão debate o reconhecimento e a valorização do “trabalho de cuidado” – Notícias

[ad_1]

11/12/2023 – 13:53  

Depositphotos

Trabalho não remunerado de cuidado é exercido principalmente por mulheres

A Comissão de Direitos Humanos, Minorias e Igualdade Racial da Câmara dos Deputados debate na quarta-feira (13) a chamada economia do cuidado. A economia do cuidado diz respeito ao trabalho não remunerado, geralmente exercido por mulheres, que inclui atividades como limpar a casa, fazer comida, lavar roupa, cuidar dos filhos, dos idosos e dos doentes da família e, muitas vezes, ajudar vizinhos, amigos ou parentes.

O debate foi solicitado pela deputada Luizianne Lins (PT-CE). Ela é autora do Projeto de Lei 638/19, que inclui no sistema de cálculo do Produto Interno Bruto (PIB) a economia do cuidado. A parlamentar destaca que esse tipo de trabalho é historicamente invisibilizado e desvalorizado. “É preciso sobretudo reconhecer e remunerar as trabalhadoras e trabalhadores que desempenham essas funções no Brasil”, afirma.

“Essa é uma demanda histórica dos movimentos de mulheres e feministas, uma vez que o trabalho de cuidados não remunerado é exercido cotidianamente por milhões de mulheres no Brasil”, afirma.

O debate será realizado à 14h30, no plenário 9.

Da Redação – RL

[ad_2]

Com informações Agência Câmara

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

Leia também

Fale com a redação