Audiência Pública discute a Frente Parlamentar em Defesa da Agricultura Familiar, da Pecuária e da Pesca

A Assembleia Legislativa do Ceará realizou nesta segunda-feira (22) audiência pública para discutir a disseminação da Frente Parlamentar em Defesa da Agricultura Familiar, da Pecuária e da Pesca nas macrorregiões do Ceará. A iniciativa foi do deputado estadual De Assis Diniz (PT), presidente da Frente, autor do requerimento, que presidiu o evento, com apoio do deputado Missias do MST, presidente da Comissão de Agropecuária.

Entre os participantes da audiência o secretário do Desenvolvimento Agrário, Moisés Braz; Erivando Sousa, presidente do INCRA; Felipe Goyana, da SFPA; Holanda Neto, superintendente da SFA; Francisca Jeania, gerente regional do BNB; Jarier de Oliveira, da Adagri; Itamar Lemos, da Ematerce; Neto Rebouças, presidente do Instituto Agropolos; Antônio Amorim, do IDACE; Glória Carvalho, da Cáritas-CE; Marcondes Ferraz, prefeito de Saboeiro; Maria Auxiliadora Bezerra, prefeita de Barreira; e Aline Pinheiro, secretária de Agricultura de Solonópole.

“O encontro discutiu, diagnosticou e apresentou alternativas para o desenvolvimento das atividades do campo no Ceará, que reúne 21 cadeias produtivas. Só a agricultura familiar reúne um contingente de 350 mil pessoas. Precisamos ir além da assistência emergencial, pois se trata de uma atividade econômica fundamental pro desenvolvimento do Ceará. É preciso unir o poder público, a sociedade civil organizada e o movimento sindical, para cumprir esta tarefa com êxito. Vamos organizar um calendário tentando organizar as demandas das secretarias municipais com a SDA e as principais agências de fomento e de especialização técnica”, explica De Assis.

O parlamentar lembrou que háá uma série de pautas comuns às microrregiões do Estado, que vão desde a qualificação técnica da produção, passando pela valorização da comercialização e pela facilitação ao crédito aos pequenos produtores.

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

Leia também

Fale com a redação